Gestão de crises – Como continuar empreendendo em tempos de Coronavírus?

24/mar

Para muitos empresários e também para pequenos e médios empreendedores o termo “Gestão de crises” é muito comum no meio corporativo e no dia-a-dia dos negócios. Isso porque as empresas e organizações estão sempre sujeitas a passar por momentos de crises, sejam elas financeiras, econômicas, judiciais, patrimoniais e até mesmo de imagem. No último mês a pandemia do Coronavírus foi evidenciada em todo o mundo, colocando milhares de empresas em alerta e obrigando que empresários em todos os países repensassem uma nova configuração para os seus negócios, como a estruturação de equipes home-office para conter a contaminação. Mas como continuar empreendendo em tempos de Coronavírus?

 

Nas últimas semanas, temos observado o avanço do covid-19 desde o seu surgimento na cidade de Wuhan na china, até sua chegada em grandes centros, contabilizando aproximadamente 360 mil pessoas infectadas em todo o mundo segundo dados atualizados da OMS. Com esse cenário, muitos empreendedores estão se perguntando: Como continuar empreendendo em tempos de Coronavírus? E a resposta já tem sido dada com inúmeras empresas desenvolvendo estratégias para enfrentar o “inimigo invisível” e continuar fazendo a engrenagem da economia girar.

 

Se você for pensar, a crise, por definição, é causada por uma grande mudança temporária. O grande erro nesse momento é tentar gerenciar a crise, quando na verdade é necessário manter o seu gerenciamento habitual “apesar dela”. O ideal nesse momento é se preparar com antecedência, ser criativo, ter soluções rápidas e liderar com clareza e direcionamento.

 

A pandemia do Coronavírus está gerando prejuízo para muitos setores e afetando serviços essenciais como educação, medicina, ramo farmacêutico entre outros. Mas como continuar empreendendo em tempos de Coronavírus? Confira algumas soluções para manter o seu negócio rentável e evitar que ele seja afetado nesse momento:

 

  1. Busque oportunidades de fusões e aquisições
  2. Negocie com seus fornecedores
  3. Seja realista no seu valor de mercado
  4. Reavalie todos os seus custos de forma inteligente
  5. Invista numa plataforma de vendas online com atendimento personalizado digital.
  6. Use e abuse do marketing e das mídias sociais de forma inteligente.
  7. Dissemine informações. Converse com seu público, interaja!
  8. Invista no Streaming e no audiovisual para continuar se comunicando com clientes, fornecedores, funcionários e especialistas. Reduza custos e garanta segurança a todos.
  9. Encontre novos meios de continuar trabalhando (se você é especialista em algum assunto ofereça cursos, treinamentos e consultorias online através de um Webinar)
  10. Pense fora da caixa. Seja criativo!

 

 

E o principal: Não entre em pânico! A histeria é negativa para empreendedores e empresas, o ideal é tentar enxergar além dela e visualizar novas formas de oportunidade. Mantenha a calma e seja racional, pois só assim será possível direcionar seus esforços e investimentos no lugar exato, tomando decisões sensatas e efetivas. Não se deixe vencer pelo medo.

 

Um dos setores privilegiados durante a gestão de crises, é o setor de “inovação”. Aposte nele dentro da sua empresa. Esses setores florescem em meio a crises, questionam ortodoxias e fazer pensar em alternativas para lidar com problemas que inicialmente parecem “impossíveis” de serem contornados.

 

As medidas óbvias, como controle e redução de custos, perspectivas para esse novo cenário, e estratégias para enfrentar essa nova realidade também são ideais nesse momento de conflito.

 

Pode demorar, mas uma hora a crise vai passar. E os empreendedores e empresários que conseguirem lidar com as dificuldades da melhor forma agora serão aqueles mais capacitados que conseguirão sair na frente e se reerguer de forma mais rápida e eficiente.

 

E sua empresa, o que está fazendo para continuar empreendendo em tempos de Coronavírus?