Live Marketing : O que é e como fazer [6 passos]

13/out

Você sabia que o Live Marketing é uma das grandes tendências para os próximos anos? Se pararmos para pensar, com o avanço da pandemia, o consumo de conteúdos em vídeo cresceu de forma exponencial. Cursos, aulas e eventos adotaram o formato e obtiveram grandes resultados. Mas será que você sabe exatamente o que é uma Live Marketing e como obter as melhores repercussões com ela?

 

 

O que é Live Marketing? (entenda o conceito)

 

O Live Marketing é uma estratégia permeada através de experiências ao vivo (transmissões) com o objetivo final de promover o engajamento e a fidelização do público com a marca. Muito conhecido como marketing ao vivo ou marketing de experiência, o marketing nessas transmissões ao vivo gira em torno de atrair, engajar, gerar valor, fidelizar e proporcionar o maior número de conversões durante uma Live, ajudando na construção de marcas e também no aumento das vendas.

 

As principais atividades do Live Marketing envolvem ações, campanhas e eventos ao vivo com o objetivo final de envolver o shopper (cliente/comprador) com a marca, produtos e serviços. Um dos principais desafios do formato Live Marketing é conseguir despertar o interesse ou a atenção no consumidor final e ainda atribuir valor a empresa.

 

Se você parar por 5 minutos para refletir, é possível que você mesmo já tenha sido “atingido” por uma ação dessas através de experiências sensoriais ou cinestésicas, sem ao menos ter percebido. Esse tipo de ação consegue mexer com os seus sentidos de forma quase imperceptível, com o objetivo de ser lembrado pelos clientes e jamais cair no esquecimento.

 

Pequenas, médias e grandes empresas têm investido pesado na construção e manutenção de relacionamentos com clientes e seguidores através de conexões mais sensoriais e afetivas/emocionais. Há quem diga sem hesitar que o Live Marketing é o antigo marketing promocional, com um novo rosto moderno.  Será?

 

 

Mas quais as diferenças entre o Live Marketing e o antigo Marketing Promocional?

 

O conceito de marketing promocional consiste em oferecer produtos e serviços ao cliente com o objetivo final de despertar o interesse geral desse consumidor na marca, aumentando a credibilidade dessa empresa no mercado. Tanto o Live Marketing quanto o marketing promocional, possuem o objetivo de realizar a promoção de uma marca ou de produtos e serviços através de uma experiência única, porém, mesmo assim há particularidades entre os dois.

 

É possível afirmar que os dois conceitos dividem a mesma vertente, pois trabalham para tornar soluções e marcas mais atrativas para o público através da experiência. Se pararmos para pensar um pouco, um conceito leva a outro: faz todo sentido afirmar que o marketing promocional evoluiu para o que conhecemos como Live Marketing, né? Atualmente receber uma ligação com a oferta de um combo de internet é muito menos atraente do que estar em um evento e poder carregar o celular em um lounge e se conectar gratuitamente à internet, não é mesmo?

 

A segunda pareceu muito mais atraente, não é mesmo? E é! O Live Marketing realmente sai na frente, e é uma evolução do antigo conceito, que acompanha os consumidores mais modernos que estão cada vez mais exigentes, e procuram por experiências diferenciadas para se relacionar de forma mais próxima com as marcas.

 

Mas afinal, como fazer um bom projeto e Live Marketing?

 

 

Live Marketing passo a passo: Como realizar as 6 etapas para uma boa estratégia

 

1. Encontrar/Localizar

A primeira etapa consiste em localizar o seu público e entender qual é o comportamento, gostos e todo o perfil de preferências. Com uma persona já traçada e definida, é importante pensar na seguinte pergunta:

O que você pode oferecer pra eles? Seus produtos e serviços, de forma diferenciada.

Nesse primeiro passo, incluímos ações de planejamento, pesquisa, concorrência e análise de comportamento antes da produção prática de uma ação de Live Marketing.

 

2. Mostre-se

Chegou o momento de se apresentar aos potenciais clientes.  Na prática é hora de entender como fazer isso ao vivo. É necessário buscar referências e canais alternativos, além de claro soltar a criatividade para apresentar seus produtos de forma única e com experiências marcantes.

 

3. Atraia

Agora é hora de envolver o seu público na ação. Pense fora da caixinha. Crie uma verdadeira experiência com seu público. Deve ser algo que incentive a continuar na Live e  realizar ações de interação com a marca. Uma boa empresa de transmissão ao vivo pode te ajudar a chegar lá com dicas valiosas.

 

4. Ative (hora de fisgar)

Aqui mora o grande desafio. É hora de fisgar definitivamente o seu público para que experimentem seu produto ou serviço. Use estratégias como distribuição de brindes que é uma ação recorrente para ativação durante uma Live Marketing.

 

5. Faça-os experimentar 

Na quinta etapa, seu target deve ficar com gostinho de quero mais. A empresa pode oferecer uma promoção especial para ele, por exemplo, e aproveitar para captar informações sobre a experiência com seus produtos ou serviços.

 

6. Fidelize e ganhe o coração da sua audiência na Live

Fidelizar é a última etapa após buscar, entender o comportamento e atrair a atenção do cliente, despertar seu interesse, oferecer a experimentação e incentivar sua compra. O principal objetivo agora é fazer com que o cliente não exista mais sem a sua marca na vida dele.

Chegou a hora de estreitar o relacionamento e morar de vez nos pensamentos do seu cliente.

E aí, teve várias ideias lendo esse conteúdo? Faça um bom planejamento para realizar uma ação assertiva.

Se você não tem experiência nenhuma com Live Marketing, e precisa de um suporte para realizar a sua transmissão ao vivo, clique aqui e dê mais informações sobre o seu projeto para receber soluções exclusivas.