Precificação de eventos online: como estabelecer valores? - Cross Host
Precificação de eventos online

Precificação de eventos online: como estabelecer valores?

Com o aumento pela procura dos eventos online, muitos produtores, agências e profissionais do setor têm se questionado sobre como realizar a precificação de eventos online da forma correta. Afinal, quanto cobrar em um ingresso para um evento híbrido? E um webinar? Uma live corporativa? Pois é, ainda são muitas as dúvidas do mercado em relação a esse novo modelo de negócios, portanto, reunimos algumas dicas que vão te ajudar a realizar a precificação de eventos online.

Que tal iniciar descobrindo as principais diferenças entre os valores dos antigos modelos presenciais para os atuais eventos digitais? Vamos lá:

 

Precificação de eventos online x precificação de eventos presenciais, o que muda?

Os eventos online não podem “nem de longe” ser comparados aos custos dos eventos presenciais. Se você parar pra pensar, um evento presencial, demanda uma infraestrutura robusta, com aluguel de grandes espaços, contratação de profissionais, gastos hospedagem, honorários, traslados, fornecedores, merchandising, material de credenciamento, equipamentos, entre muitos outros, portanto, o valor de um ingresso para um evento presencial precisa ser equivalente aos gastos investidos, resultando geralmente em custos maiores.

Já um evento presencial demanda uma infraestrutura menor, com uma equipe enxuta. O principal investimento nesse formato de evento será com a plataforma de transmissão, um estúdio profissional e uma equipe técnica qualificada para conduzir esse evento, portanto, os valores de ingressos poderão ser menores com um lucro muito maior.

 

Mas afinal, como fazer a precificação de eventos online? Dicas para estabelecer valores de ingressos

precificação de eventos online

Como já citamos anteriormente, a precificação de eventos online vai se basear em alguns elementos, e é preciso analisar os valores de investimento desses elementos para chegar a custos viáveis de ingressos com uma margem de lucro eficaz.

É importante lembrar que não existe uma fórmula de cálculo ideal para isso, cada evento tem suas especificidades, e aquilo que pode dar certo para alguns, não vai dar certo para outros. O mais importante mesmo, é tentar compreender seu evento de forma muito profunda, e experimentar o que faz sentido pra você.

É claro que analisar algumas nuances de forma estratégica pode te ajudar a estabelecer uma precificação mais coerente e inteligente para o seu evento online, portanto, listamos alguns elementos que você precisa entender antes de realizar a precificação de eventos online. Veja:

 

Custos fixos:

  • Custos de plataforma: Eventos profissionais dificilmente serão realizados em plataformas “free”. Portanto, pesquise e inclua o valor dessa plataforma em sua projeção.
  • Número de palestrantes pagos: Inclua os valores dos palestrantes no seu cálculo final.
  • Divulgação e merchandising: faça um escopo de todos os investimentos realizados com publicidade, divulgação e Merchant.
  • Estúdio de gravação: bons eventos geralmente acontecem dentro da infraestrutura de um estúdio profissional e de forma customizada. Inclua esse item no seu cálculo.
  • Equipe técnica qualificada para conduzir o evento: A transmissão de um evento online profissional é conduzida por técnicos qualificados para que a sonorização e imagem do evento seja impecável. Calcule esse item também.

 

Esses são os principais gastos que você terá realizando um evento online. Mas calma! Antes de somar tudo isso e extrair um valor, é necessário avaliar outros pontos importantes:

 

Precificação de eventos online – 5 análises essenciais

1- Entenda o seu público: Entender seu público é fundamental. Não adianta cobrar um valor X , de um público A+, se o perfil final da sua audiência se encaixa no perfil C. Compreenda seu público e identifique todas as características sociais e econômicas. 

2 -De olho no precinho da concorrência: Ficar de olho no concorrente é ideal, e isso também pode te ajudar a estabelecer o seu preço e ficar alinhado a margem seguida pelo mercado.

3 -Teste, experimente, inove: Os eventos online são algo novo para muitas empresas, portanto, seja diferente, inove, teste, não se limite a apenas um tipo de ingresso, saia na frente do mercado. Experimente novos modelos, novos meios de cobrança, traga uma proposta inovadora ao seu nicho.

4- Pense a longo prazo: Ao fazer um evento online você terá a oportunidade de alcançar um público que nunca teria acesso ao seu conteúdo e aos seus produtos se o formato não fosse digital, afinal, o evento online pode quebrar barreiras geográficas e alcançar qualquer pessoa em qualquer lugar do mundo. Portanto, leve isso em consideração, o evento pode ser uma porta de entrada para você gerar leads qualificados, e nem sempre um ingresso alto vai te gerar renda. Seja estratégico!

5 -Aposte em iniciativas solidárias: Que tal reverter uma porcentagem dos valores do seu ingresso para ONGS e instituições carentes? Isso atribui valor ao seu projeto, atrai patrocinadores, além de ajudar realmente quem precisa.

 

Com todas essas informações em mãos, chegou a hora de montar o seu preço. E veja bem, não seja ganancioso nesse ponto, afinal, um evento online pode te trazer um valor muito mais alto pós-evento, do que os valores adquiridos com a compra dos ingressos.

Tudo isso vai te ajudar a fazer uma precificação de eventos online justa e muito alinhada com a sua proposta, gerando lucros pré e pós evento, e possibilitando uma exploração sem medo dentro desse novo universo.

 

Gostou desse conteúdo? Que tal compartilhar nas redes sociais?

 

Ah, precisa de uma ajudinha com seu evento online? A Cross Host possuí uma infraestrutura dedicada, focada na produção e gestão de eventos online, com estúdios profissionais, equipamentos modernos e equipe especializada, que tal dar o primeiro passo?

Clique aqui e fale com um especialista.